Páginas

domingo, fevereiro 14, 2016

Renata Normanha, destaque na Itália!


Minha homenagem simples, mas cordial, à poetisa Renata Normana! Com este soneto, ela se destacou com uma das 30 finalistas no Prêmio Internacional Nosside 2015 (Itália), certame de que participaram poetas de 90 países! 
À nossa Renata Normanha, as honras deste poeta que se orgulha por seu feito! 
L.deA. 


Renata e seu pai, o saudoso médico e escritor José Normanha, cujo centenário festejaremos neste 2016, na Academia Goiana de Letras, da qual foi membro efetivo. A filha segue-lhe os passos e destaca-se pelo seu talento poético.






Espelho



Olhar profundo que a alma me devassa
Reclina no meu pranto teus pudores
Pois desfeita em segredos tem clamores
Na sombra intensa que tua essência grassa.
Volvendo amores livres e perdidos
Rondo o trilhar, soturna e misteriosa,
A te sondar, estranha e lamentosa:
Anseio infindo dos anos mal vividos.

Deixaste ao largo à infâmia dos delírios
E teu sonhar agrilhoaste em flama
Presa da dor de ocasos malferidos.

Foste, à nudez submissa dos martírios,
Silenciar teu brado em tênue chama
E sufocar anelos já partidos.

(Renata Normanha)

3 comentários:

Renata Normanha disse...

Obrigada amigo, me sinto lisonjeada por tamanho carinho e mais ainda por partir de um grande poeta como vc...
Adorei tudo é essa é minha foto preferida.
Abcs

Rosy Cardoso disse...

Encanto na profunda leveza do cravado sentimento.

Sônia Elizabeth disse...

Excelente soneto. Merecedor da premiação.