Páginas

sexta-feira, dezembro 29, 2006

Ano-Novo feliz!

Um Ano-Novo é novo até que o jornal do primeiro dia fique
velho. E isto acontece poucas horas após o despertar do
sujeito, em ressaca ou não. Mas um Ano-Novo é um marco
de recomeço, de renovação instintiva do Ser Homem, fêmea
ou macho, ainda que o ano não nos traga
um número de referencial.
Como 2007, por exemplo.







As luzes e os estouros vários
e fogos ao céu, em escuro de fundo,
sugerem: em dez segundos, seremos nós
a contar na ordem inversa. É como se de tudo
se fizesse o novo e novos rumos e portas ressurgem.

Não é nova a década que vem.
Nem o ano é novo de todo, porque
adiamos decisões, acertos, e faltam-nos
coisas muitas: rever pessoa amada, recomeçar
os planos e trazer de ontem apenas a cor da saudade.



É novo o ano, e chega a ser referencial de fé: nove é
bom de cabala. Que nos lê sorte, sem mistério.
Mas dois mil e sete.. Mas não é, sequer,
simétrico, como o é dois mil e dois.
Não é, mesmo, espelhado.

Mas há certa mente capaz de bom de desenho, a fazer,
do sete, um dois invertido. Aos zeros, no meio,
dá-se de certo o que é inverso aos iguais e,
ai, sim, um visual grato aos olhares
faria do Ano (Novo) bonito.

...Que lhe deseja
este Aquino, Luiz

2 comentários:

Maris stella disse...

Luiz

O poema Ano-Novo feliz! diz muito do que penso, é muito verdadeiro e, da estrofe abaixo:
"Não é nova a década que vem.
Nem o ano é novo de todo, porque
adiamos decisões, acertos, e faltam-nos
coisas muitas: rever pessoa amada, recomeçar
os planos e trazer de ontem apenas a cor da saudade."

Penso que transformar em novo o ano velho não é fácil mesmo mas, na medida em que conseguimos resolver as principais pendências, tomamos certas decisões adiadas, e realizamos pelo menos, alguns sonhos , já é um começo e dá pra ser um pouquinho feliz, não é?
Confesso a você que todos os dias, pela manhã, tomo uma dose caprichada de esperança com otimismo, umas gotas de alegria e "iniciativa para buscar a felicidade". Peço à saudade pra não machucar muito e só assim, consigo iniciar o meu dia com mais facilidade, rsrs.
Mas tudo isso, meu querido, é pra desejar que o melhor dessa vida seja reservado a você.
Um 2007 muito feliz!
Com muito carinho,
Maris Stella.

MadalenaBarranco disse...

Noooossa Luiz! Que original, que lindo!!!! Ao fim da sua poesia eu me vi desenhando sua sugestão. Sabe que eu cheguei ao número 500 - não sei porque mas acho que o número cinco é poderoso quando se tata de comunicar. Feliz ano novo! Beijos, com carinho.